quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Melaço polui Honolulu

Trabalhador exibe peixes mortos pelo derrame de melaço em Honolulu. Foto:  Timescolonist.com
Na semana passada, mais de 200 mil litros de melaço foi despejado acidentalmente em Honolulu Harbor, ilha de Oahu, Hawaii, criando uma série de questões ambientais.

O vazamento ocorreu quando um tubo defeituoso transportava o melaço de um navio diretamente para o porto. O melaço, um subproduto da cana-de-açúcar cultivada na ilha, estava sendo distribuído para um navio em direção à Costa Oeste.

Como resultado do derrame, mais de 25 mil peixes e crustáceos foram mortos. Ao contrário do petróleo, melaço não flutua na superfície, mas vai para o fundo do oceano e suga o oxigênio para fora do mar.

Em entrevista à NBC News, Mark Hixon, professor de biologia marinha da Universidade do Hawaii, disse que o xarope "é uma sopa que entope as brânquias de vida marinha e sufoca as plantas e animais que vivem no fundo do mar".

Os responsáveis pelo vazamento prometem pagar pela limpeza. "Temos uma longa história no porto de Honolulu e posso garantir todos os envolvidos que este é um incidente raro", disse um representante da empresa Matson, dona do navio responsável pelo vazamento. No entanto, a empresa não tem um plano de contingência para lidar com os efeitos de um derramamento destas proporções.

Fonte Surfer Mag

Nenhum comentário:

Postar um comentário